A Quarta-Feira de Cinzas marca o início do tempo quaresmal, de preparação para a Páscoa do Senhor e propício para a oração, a reflexão e a caridade. Por este motivo, a Igreja no Brasil propõe a Campanha da Fraternidade (CF). Mas o que é a Campanha da Fraternidade? 

A Campanha é realizada anualmente pela Conferência Nacional dos Bispos do Brasil (CNBB) no período da Quaresma. A cada cinco anos é promovida de forma ecumênica em conjunto com outras denominações cristãs. Seu objetivo é despertar a solidariedade dos seus fiéis e da sociedade em relação a um problema concreto que envolve a sociedade brasileira, buscando caminhos de solução.  

Este ano a CF é ecumênica e, assim sendo, sinaliza que o diálogo é o nosso melhor testemunho. A fé nos lembra que Cristo é nossa paz e nos anima a prosseguir pelo caminho da unidade na diversidade. A cada ano é escolhido um tema, que define a realidade concreta a ser transformada, e um lema, que explicita em que direção se busca a transformação. O tema deste ano é “Fraternidade e Diálogo: compromisso de amor”. E o lema tirado da carta de São Paulo aos Efésios diz que “Cristo é a nossa paz: do que era dividido, fez uma unidade”. Inspirados por este tema e lema escolhemos testemunhar a fé vivida na diversidade, afirmando que a fraternidade e o diálogo são compromissos de amor, porque Cristo fez uma unidade daquilo que era dividido. 

Para auxiliar na animação da campanha, encontramos o hino que nos convida a participar deste momento ecumênico de diálogo e amor. “Venham todos vocês venham todos, reunidos num só coração de mãos dadas formando a aliança, confirmados na mesma missão”. Neste espírito fraterno realizamos, em nossa Unidade Educacional, a abertura da Campanha da Fraternidade Ecumênica. Com os olhos fixos no Sagrado Coração de Jesus e impulsionados pelo carisma Cleliano, peçamos ao Senhor que nos “encha plenamente de sua santa graça” (Bem-Aventurada Clélia Merloni).